Posted by Dayane Iglesias |


Estratégias digitais devem integrar o cotidiano de empresas que utilizam as tecnologias web para promover a sua marca. Possuir um site, um blog ou atuar nas redes sociais exige planejamento. Confira quatro falhas frequentes, relacionadas à estratégia digital, que a sua Unimed pode evitar: 

Priorizar o menor preço: optar por serviços mais econômicos pode ser menos vantajoso do que o previsto. Quando a mão de obra for muito barata, desconfie. Procure indicações, afinal, vale investir um pouco mais, mas ter a garantia de um trabalho bem feito e que cause o mínimo de incômodos. 

Esquecer-se das minúcias: diversos pontos devem estar previstos em um planejamento – linguagem utilizada, público-alvo, periodicidade, canais utilizados, agenda de pauta, projeções de resultados, monitoramento, etc. 
 
Canais incorretos: de nada adianta estar presente no Pinterest se o seu público-alvo não está lá ou então se o seu conteúdo não se adapta a essa rede social. Embora o método “tentativa e erro” seja aplicado por muitas empresas, para economizar tempo e dinheiro, vale escolher previamente os canais que serão utilizados de acordo com o público-alvo e nicho. 
 
Não monitorar: é fundamental monitorar, medir e avaliar o desempenho das ações na internet, pois esses dados são essenciais para planejar os próximos passos e readequar o que for necessário. Há uma imensidão de ferramentas gratuitas, como o Google Analytics (para site e blogs) e o Scup (para as redes sociais).

Se você identificou alguma dessas falhas no processo de trabalho do qual você faz parte, experiente criar e sugerir propostas para que a partir de 2015 a estratégia digital aplicada na sua Unimed seja a mais eficaz possível. 

Fonte: Talk2