Posted by Dayane Iglesias |


O Brasil se tornou, em 2010, o mais valioso mercado do mundo para perfumes. Impulsionado pela valorização do real frente ao dólar e ao aumento do poder de consumo, o mercado nacional movimentou US$ 6,02 bilhões, uma alta de 33% em relação aos valores do ano anterior (US$ 4,55 bilhões). Os números são do Euromonitor.
Ex-líderes, os americanos ocuparam a segunda posição, com faturamento de US$ 5,34 bilhões, seguidos de alemães (US$ 2,49 bilhões), franceses (US$ 2,44 bilhões) e russos (US$ 2,17 bilhões).
De acordo com relatório do Euromonitor, o montante movimentado no Brasil poderia ser ainda maior, já que o consumo dos perfumes do segmento premium, de maior valor, ainda é restrito a uma pequena parcela da população, principalmente pelos altos custos de impostos. Em 2010, 93% das vendas foram de perfumes classificados pela consultoria como de consumo de massa.
Segundo a consultoria, Boticário e Natura detêm juntas quase 60% do mercado brasileiro.
Fonte: M&M Online