Posted by Dayane Iglesias |

Estudo da Sophia Mind mostra que 21% delas acessam essa rede social no Brasil e 47% seguem empresas ou marcas
Durante o mês de julho de 2010, a Sophia Mind, empresa de pesquisa e inteligência de mercado do Grupo Bolsa de Mulher, entrevistou 737 brasileiras, com idades entre 18 e 60 anos, para entender os motivos pelos quais elas seguem empresas no Twitter. O objetivo da pesquisa é entender o que elas esperam dessa interação com as marcas, já que as redes sociais estão sendo cada vez mais usadas como ferramentas de marketing pelas empresas. Em pesquisas anteriores, a Sophia Mind constatou que 93% das usuárias de internet utilizam algum tipo de mídia social e que o Twitter é acessado por 21% delas.
A frequência de acesso é elevada: 39% das usuárias do Twitter lêem as mensagens ao menos uma vez por dia. O principal acesso é feito diretamente pelo site do Twitter (86%), sendo baixo o uso de outros aplicativos e mobile.
Quarenta e sete por cento das usuárias do Twitter seguem empresas ou marcas. Algumas empresas se destacam, como: Submarino, Saraiva, Natura, Nestle e GNT. O principal interesse das mulheres são as promoções diretamente no Twitter (40%). Praticamente o mesmo percentual de usuárias é atraído pelo conteúdo enviado por empresas e pelas promoções de preço.
As mulheres esperam interação com as empresas. Esperam que elas as sigam e respondam seus tweets, ou seja, comunicação de mão dupla. Este é o desejo de 83% das usuárias do Twitter. Empresas e marcas que mantêm contas apenas para divulgação de produtos ou monitoração de mensagens não são atraentes para as mulheres.
Para as empresas que pretendem entrar e/ou ter sucesso no contato com clientes e prospectsvia Twitter, pode-se destacar as dicas:
  • siga seus clientes;
  • atualize o perfil da empresa constantemente e dê informações relevantes paras as usuárias;
  • faça do Twitter uma ferramenta de relacionamento e não apenas um canal de divulgação.

    Fonte: www.sophiamind.com