Posted by Dayane Iglesias |

O mercado da comunicação digital, especialmente o mercado publicitário, avança a passos largos no Brasil. O projeto Inter-Meios mostrou que, no primeiro semestre de 2009, o investimento publicitário na internet cresceu nada menos que 22,8%. Nos outros meios houve queda ou crescimento menor (TV Aberta cresceu 4%, por exemplo). O fator “busca por informações” na Internet foi um dos motivos para a maior queda entre todas: Guias e Listas perderam 16% do investimento.
A fatia da Internet do bolo publicitário total chegou a 4%. Ainda é um número pequeno se comparado a outros países, que já chegam a ultrapassar os 10%, mas mostra que os 65 milhões de internautas estão sendo cada vez mais buscados pelas empresas. Essa demanda também tem gerado, principalmente nos dois últimos anos, o crescimento do número de agências digitais.
Relatorio da ABRADI (Associação Brasileira de Agências Digitais) levantou mais de 2.200 agências digitais brasileiras. Entre os principais dados, que podem ser vistos abaixo, destaque também para a quantidade de funcionários. Predomina o modelo de agências pequenas com até 20 funcionários.

Fonte: ABRADI (Associação Brasileira de Agências Digitais)